28/12/2010

Zau Évua - panoramica

Vista do aquartelamento de Zau Évua, em foto tirada da torre da Capela ou seja da torre de vigia. Ao fundo veem-se os morros de Zau Évua, a caminho do Quiende e de S. Salvador. Ve-se parte da picada Ambrizete-SSalvador ao fundo
Estas caserna foram cosntruidas pelos Sapadores do BCAC2877 e são em alvenaria de tijolo, ao contrario de todas as outras - onde estava  a Ccac105,  que eram em madeira (barracas).  Existia um poço e uma horta do lado de cá da picada. O Sarg Valério era o responsável pela horta. O poço foi aberto depois da prospecção de um Sarg da Ccac2543 que tinhas dotes excepcionais de vedor.  Primeiro foi aberto um poço junto à caserna dos Civis, atrás do alojamento do Cmdt, do 2º Cmdt e do Of de Oper. e Inf.  Esse poço, na altura das chuvas transbordava e foi essa a razão porque se  procedeu à abertura de novo poço.
Antes a agua era transportada por um tubo enterrado no solo desde o rio que passava ainda a alguma distância do aquartelamento. Ocasionava problemas de segurança a quem se deslocava para reabastecer de gasóleo o motor Listar que era utilizado para a bombagem da àgua. Uma secção de GComb fazia esse serviço. Quando acabava o gasóleo, o motor parava. Existia outro problema que resultava do facto de que qaundo chovia a agua ficava turva durante dias seguidos, obrigando assim a ser bombada a àgua barrenta o que dificultava o seu  posterior consumo para confeccionar a alimentação, banhos, lavagens de roupa e consumo.
Como curiosidade, aconteceu que foi pré-construida uma tampa para o poço e foi feita uma aposta - uns companheiros  conseguiram colocar a tampa em betão, a força de braços. Ganharam umas boas cervejolas.
Estranha-se que nesta foto não se verjam vesdtigios do poço e da horta que ainda era grande.
Por outrolado foi limpa toda a vegetação (capim alto e sempre verdejante) junto ao aramer farpado. Vê-se a  vala com água. Do lado contrário, na época das chuvas, tambem por lá ficava durante alguns meses ,uma pequena lagoa junto do arame farpado. Fazia-se uma jangada com bidões vazios e havia quem por lá fizesses umas viagens de circum-navegação.

Sem comentários: