26/12/2015

22/12/2015

José Niza - do livro "Poemas da Guerra" - Poema - ZAU ÉVUA





    ZAU ÉVUA

Chama-se Zau Évua
O sítio onde
Na ponta de um pau
Existe um pano
Verde e encarnado

Era daqui
O menino negro que mataram
E não cresceu na terra que era sua

Ninguém o chorou 
Porque ninguém ficou para chorar

Neste chão
Regado pelo sangue do menino
Um pau ficou espetado
Tendo na ponta um pano
Verde e encarnado


10 de Agosto de 1969

21/12/2015

José Niza - do livro "Poemas da Guerra" - Poema - Natal na Guerra

 

Natal na Guerra

 

A prece da fotografia comtemplada

No altar da separação

 

A carta triste

De quem está longe

 

Missa do galo na igreja

A comunhão da cerveja

 

A consoada de ração de combate

O sabor a medo

 

O silêncio do repicar dos sinos

A saudade

 

E paz na Terra

Aos homens de boa vontade

 

20/12/2015

José Niza - livro "Poemas da Guerra" - capas e dedicatória


Do livro “Poemas da Guerra”, iremos publicar  parte do seu conteúdo.
Hoje deixamos aqui, especialmente para todos os antigos camaradas, a dedicatória com que brindou os seus ex-camaradas no dia da apresentação deste seu livro.




19/12/2015

José Niza - conta em prosa e em verso a sua passagem pela Guerra Colonial

Será desta vez que iremos colocar no Blog do BCAC2877, trechos dos livros do nosso antigo médico do Batalhão.
Antes, tivemos oportunidade de pedir autorização para o podermos fazer, à viúva, D. Maria Isabel Niza Mendes        que com a sua habitual simpatia nos deu a sua anuência.
Estivemos na apresentação dos seus dois livros.
O primeiro,   "Poemas da Guerra (Angola 1969-1971)", com prefácio do seu amigo Francisco Pinto Balsemão. um livro de poemas que foi apresentado em Santarém no salão nobre da Camara Municipal, onde José Niza, tinha sido autarca durante bastos anos.
O segundo livro, “Golden Gate – um quase diário de guerra”, apresentado já após a sua morte em Lisboa, na Livraria da editora.
Que num acto, que noutro, tivemos a oportunidade se sentir o apreço que os presentes manifestaram pelo Dr. Niza Mendes.
Neste caso, o editor do Blog, não tem outro interesse que não seja o de dar a conhecer a obra do poeta, do músico e do médico, na parte que lhe coube e que deu a conhecer com estas publicações, com a sua passagem pela Guerra Colonial.
Iremos dar a conhecer a totalidade ou parte das duas obras em tudo o que concerne, especialmente, no aspecto militar e no desempenho das suas funções como médico, com a especialidade de psiquiatria, mas em Zau Évua e "arredores", como “pau para toda a obra”

13/11/2015

Foto em Zau èvua


Boa noite, Sr. Brás Gonçalves.
Chamo-me Luís Martins e sou filho de um seu/vosso colega de campanha chamado Alberto Mega Martins.
Não sendo o meu pai dado a novas tecnologias, e por ter descoberto o blogue acidentalmente, decidi mostrar-lhe o blogue. De imediato, começou a contar histórias dos tempos que por lá passou. Também me mostrou várias fotos, entre elas a foto que envio em anexo. O meu pai é o militar que está à esquerda do Alferes(espero não estar a dizer nenhuma asneira, pois reconheci de imediato o meu pai na foto).
Pediu-me para enviar cumprimentos a todos.
Um abraço,
Luís Martins

21/09/2015

Vê o que fui encontrar

De: Adelino José Gouveia Martins [mailto:adelino-m-jose@telecom.pt]
Enviada em: segunda-feira, 21 de Setembro de 2015 16:26
Para: 'bpg_seguros'
Cc: 'Antonio Jose Marques Aires'; 'antonio.c.a.messias@gmail.com'
Assunto: Vê o que fui encontrar

Boa tarde .


Lembrei-me , de ver como estará o Américo .

Bom , vou ao Google   ,procuro :




Abro , começo a ver o que dizem sobre a instituição , e deparo com :


O nosso amigo , eh .

“ Ganda , Américo , já é cartaz de publicidade , ( pela negativa , infelizmente ) , mas é .


Américo , aquele abração , tu mereces .
( falei para lá , está bem ) .

25/08/2015

BCAÇ. 2877

 

Boa noite amigo, Brás Gonçalves.

Desde as ultimas fotos que enviei Do Bcaç 2877 Ccaç. 2543, já acrescentei mais algumas que tinha guardadas.

Em anexo envio o album completo.

Cumprimentos

Pereira

 

No dia 24 de julho de 2014 às 16:37, Braspg <braspg@gmail.com> escreveu:

Boa tarde

 

Regressei, mas vou ter que sair novamente, mas aqui fciam umas dicas.

O Furriel era o Jose´Henriques

O alferes Lopes foi uma ou duas vezes, o manteigas tambem, mas está mal de saúde.  O José Almeida vai muitas vezes o Franklim foi este ano, O garcia Radiomontador, faleceu, o Guilherme Gouveia, cripto tambem faleceu.

Por agora chega.

Vou recuperar as suas fotos e meter no nosso blog – muita gente vai gostar de as ver.

Um abraço

 

Vamos conversando de vez em quando

 

Bras Gonçalves

 

De: José Pereira [mailto:jpereira.manuel@gmail.com]
Enviada em: quinta-feira, 24 de Julho de 2014 14:55


Para: Braspg
Assunto: Re: BCAÇ. 2877

 

Lamento o falecimento do Furriel,

Na CCS era o Alferes Lopes, o cabo Almeida, o cabo Pereira, o Manteigas. alguns nomes já se me varreram.

Na 2543 era, o cabo Brito, o cabo Domingos o Amaral, o Cândido, o Lopes, o cripto era o Paulo, do Bombarral e mais alguns  cujos nomes já se me varreram.   

A minha morada é a seguinte.

José Manuel Pereira

Rua da Palmilheira, 365

4445-585 Ermesinde

 

No dia 24 de Julho de 2014 às 14:38, Braspg <braspg@gmail.com> escreveu:

José  Pereira–

Boa tarde

 

Então quem era do seu tempo nas transmissões – Furriel da CAC2543  - já faleceu

 

Eu estava nas Operações e Informações junto do Centro Cripto e Centro de mensagens

Mande-me a sua morada, pois quando houve almoço para o ano, mando-lhe a carta do costume.

 

Ainda não vio as fotso – estou com pressa em sair~

 

Voltamos a falar mais tarde

 

Um abraço

 

Braz  Gonçalves

 

De: José Pereira [mailto:jpereira.manuel@gmail.com]
Enviada em: quinta-feira, 24 de Julho de 2014 14:34
Para: Braspg
Assunto: Re: BCAÇ. 2877

 

Boa tarde.

Chamo-me José Manuel Pereira. 

Passei pelo Bcaç. 2877 - Ccaç 2543, por acidente de percurso e foi praticamente aonde cumpri quase a totalidade da minha comissão,

Quando fui integrado no Batalhão, como radio-telegrafista, tinha o batalhão chegado a Zau-Évua à, salvo erro, 2 a 3 dias e vim embora em Março de 1971.

Antes disso, tinha pertencido ao Bcav. 1927 - Ccav. 1774, com o qual tinha embarcado em 11 de Novembro de 1967, desentendi-me com o Furriel de transmissões e acabamos por andar à mocada, o que deu como resultado da "brincadeira" prisão para os dois, eu apanhei 15 meses e ele 6.

Posto isto, a apresentação está feita, não fiz nada que tenha que me envergonhar ou arrepender.

Era conhecido pelo Pereira "velhinho", das transmissões, aliás, não havia outro.

Cumprimentos

Pereira

Em anexo envio o que entendo estar em melhores condições.

Nomes de todos os intervenientes é que já é mais complicado, espero que aqueles que se revirem nas fotos, as identifiquem. 

Nota: Também não estão por ordem, nem de data nem de lugar.

     

 

No dia 24 de Julho de 2014 às 08:20, Braspg <braspg@gmail.com> escreveu:

Bom dia

 

Vamos por partes – estamos interessados em publicar fotos do pessoal do BCAC2877, quer sejam da CCS ou de outras quaisquer companhias, o que muito agradecemos.

Se estiverem em condições de serem colocadas no nosso blog - http://bcac2877.blogspot.pt/ - ou na página do Facebook.  Agardecemos o seu envio para este email com a indicação BCAC2877.

 

Por outro lado gostariamos de identificar, pelo menos pelo nome completo e Companhia o remetente do email.

 

Temos feito todos anos almoços de confraternização e é naturl que tenha recebido correspondência nossa..

 

Aguardamos notícias

 

Um abraço

 

Braz Gonçalves

 

De: José Pereira [mailto:jpereira.manuel@gmail.com]
Enviada em: quarta-feira, 23 de Julho de 2014 22:49
Para: braspg@gmail.com
Assunto: BCAÇ. 2877

 

Boa Noite.

Aqui à dias enviei uma mensagem, através do facebook, disponibilizando-me para partilhar, com quem estiver interessado,fotos tiradas em Zau-Évua e Quiende. Fotos essas que aparecem lá muito elementos da CCS e da 43.

Como não obtive resposta, supus que a, dita, mensagem não tivesse sido entregue ou, porventura, tivesse sido mal direccionada.

Posto isto, fico à vossa disposição para partilhar as mesmas.

Cumprimentos

Pereira