18/01/2012

Ambrizete a Zau Évua depois do nosso regresso

São  comentários retirados da internet.
Daqui podemos constastar o seguinte:
Quando regressamos a Luanda, alguns de nós com paragens  em Ambrizete, jáo não ficou a sede do batalhão que nos rendeu em Zau Évua, mas em Noqui ( rercordo que a estrada do Tomboco-Lufico era a antiga estrada que ligava Nóqui a Tomboco-Ambrizete-Luanda.
Assim o nosso batalhão não foi rendido directamente por nenhum - a area geografica ficou dividida de forma diferente e por 2 batalhões como se indica nos comentários abaixo - Bcac3849 com sede em Noqui  e companhias distribuidas por - MPala CCAC3390, a CCAC 3391 MPozo a CCS em Noqui e a CCAC3389 no Cabeço da Velha - Chegaram em Agosto de 1973 e regressaram em Agosto de 1973 e foram emboscados muitas vezes.
O Bcac3869 ficou em Ambrizete com a CCS a CCAC 3481 na Missão a CCAC3481, no Tomboco a Ccac3482 a Ccac3480 no Quiximba
Estas são as cópias dos comentários:
Caro solopes e restantes companheiros de jornada: como bem sabe não são muitas as fotos de Quiximba disponíveis na NET. E porque a Compª aí sediada dependia operacionalmente do BCaç 3849, sediado em Noqui,a razão deste pequeno post. Confesso que nunca passei por essa Compª, nem à ida, nem à volta. Na ida, depois do Tomboco, inflectimos para o Lufico, daí seguimos para Mpala, e aí ficou a CCaç 3390. A CCaç 3391, seguiria para o Mpozo. A CCaç 3389 e a CCS, inflectiam na direcção a Noqui. A CCaç 3389 ficaria no Cabº da Velha e a CCS seguiu para Noqui. E no regresso, em Agosto de 73, o percurso seria exactamente o inverso. Um abraço. Castilho
Caros amigos : Por Quiximba também passei , fazia parte da C.Caç 3480 do Batalhão Caç 3869. CCS em Ambrizete,3481 na Missão , 3482 no Tomboco. Depois rodámos para Nambuangongo e mais tarde para Cambambe onde terminámos depois de 29 meses embarcámos para Angola a 7/01/1972 e regressámos a 21/05/1974
Caro ex-companheiro de jornada: o BCaç 3849, com sede em Noqui e que tinha as Compªs Oper. em Cabº da Velha, Mpala e Mpozo, e cuja comissão foi de princípios de Agosto de 71, a Agosto de 73, tinha competência operacional, isto é fazia o PAO, para as Compºas de Lufico, Tomboco, Quiximba, Zau Évua e no IPR do Norte, até à Canga. Portanto acredito que durante algum tempo, alguns fios nos ligaram. Embora ténues. Eu comandava o Pelotão de Sap. do BCaç 3849, e provavelmente, o tal Major do Serv. de Mat.que andou a inspeccionar os paióis do Norte e fez correr muito "sangue" dando origem a processos elaborados por Noqui, pois se calhar também não escaparam à razia, e calhou-me a mim, ouvir por "deprecada", porque só era Alf., o Vosso Com. de Compª em processos que não deram em nada.Para minha grande satisfação. Para chatices, já bastavam os meses que lentamente se arrastavam. Escreve mais e se tiveres alguma foto que queiras por aqui inserir, envia-ma por e-mail com os pequenos textos que entenderes e eu farei o resto. Já referi várias vezes, que este espaço vai do Tomboco para cima, pelos dois IPRs, via Lufico e via Quiximba até São Salvador.Um abraço. Zé Castilho

Sem comentários: